terça-feira, 4 de novembro de 2008

Preciso de um profissional

Que a informática evolui diariamente todo mundo sabe, e desta forma temos uma grande necessidade de profissionais desta área, seja para manutenção de computadores, desenvolvimento de sites e outros.

Muitos empresários acham que comprar computadores basta, mas não dão treinamento aos seus usuários, utilizam sistemas precários, não sabem usar um antivírus e por aí vai.

Não quero aqui culpar ninguém, mas hoje toda empresa deveria ter o seu consultor de TI, assim como tem o seu contabilista, o seu advogado. Todas as pessoas acham que o “cara da informática” deve saber de tudo, de impressoras, redes de computadores, programas, sites, banco de dados.

Mas pessoal, sejamos sensatos, imagine um homem consultar em um ginecologista e uma mulher em um urologista, está certo isso? Claro que não, assim também é na informática, temos o consultor de TI, o administrador de redes, o analista, o técnico, e outros.

Recentemente recebi um telefone de um prefeito de uma cidade próxima a Porto Alegre que conseguiu a liberação de uma verba para Tecnologia da Informação, cerca de R$ 280,000,00, porém não sabia por onde começar.

Ele queria começar fazendo o que todos fazem, comprando computadores. Em um levantamento rápido que fiz nesta prefeitura verifiquei cerca de 120 computadores com licenças de Windows “ilegais”, ou seja, supondo que ele licencie todos estes computadores em um Contrato Open da Microsoft com o Windows XP que tem o custo unitário de R$ 385,00, teremos já um investimento de R$ 46.200,00.

O prefeito nem sabia sobre licenciamento de software

, e já que agora ele conta com seu consultor de TI, já sabe como investir a verba recebida.

O cartão de visita chamado site

Recentemente estive em uma reunião na capital gaúcha juntamente com o diretor de uma empresa onde um dos participantes perguntou ao diretor, qual o site da sua empresa? Bem, aí todo o marketing da empresa foi por água abaixo, pois o site estava desatualizado, não dimensionava bem o que a empresa vende, em resumo, foi um fiasco como disse o próprio diretor.

Pessoal, ter um site da sua empresa é fundamental, pois muitas vezes é ele que vai “vender” a sua empresa para o mundo, é um “setor” da sua empresa que funcionará 24 horas por dia, sem custo algum, e mais, um site tem custos menores do que divulgação em outras mídias como mala direta, outdoor, comerciais de TV, folders, etc.

Mas para desenvolver o site é necessário um profissional capacitado que utilize ferramentas de desenvolvimento que permitam que seu site seja “leve”, ou seja, rápido para carregar e claro tenha um design moderno.

Para quem já tem site, é importante buscar o nome da sua empresa no maior site de busca do mundo, o Google, e claro ele deve ser um dos primeiros a ser listado.

Lembrem-se, o site da sua empresa é o cartão de visita para o mundo, e desta forma é preciso que ele apresente e dimensione a sua empresa para clientes, fornecedores e outros.