terça-feira, 30 de abril de 2013

Como foi o MVP Virtual Conference

O objetivo do evento MVP Virtual Conference 2013 (primeira edição) é apresentar capacidades e funcionalidades de produtos e tecnologias Microsoft dentro de um contexto baseado em cenários do mundo real. É um evento totalmente online e gratuito apresentado por Microsoft MVPs (Most Valuable Professionals), que são os principais profissionais independentes e especialistas nas tecnologias Microsoft, além de convidados especiais da comunidade técnica e Microsoft como os arquitetos do MTC (Microsoft Technology Center).

Eu fui um dos organizadores do evento, juntamente com os colegas: João Paulo Clementi (Microsoft – MVP Lead do Brasil), Waldemir Cambiucci (Microsoft), Daniel Ferreira (Microsoft), Rogerio Jerez (Microsoft), Rogério Moraes Carvalho (MVP), Carlos dos Santos (MVP) e André Dias (MVP).

Track owner da trilha ”Interoperabilidade no Desenvolvimento e Infraestrutura” juntamente com o colega André Ruschel (MVP).

Palestrante na palestra Suporte a novos padrões de interoperabilidade no Windows Server 2012 - Um nova visão de um novo Windows Server - A Microsoft realmente mudou muitas coisas relacionadas ao novo Windows Server 2012. Os sistemas operacionais anteriores que sempre tinham implementações padrões e formais da indústria, agora dão lugar a um sistema operacional em nuvem que nos força a levar isto para um novo nível, com investimentos em novos padrões de rede, armazenamento e gerenciamento.

Vamos descrever as tecnologias das quais o Windows suporta, quais os benefícios que elas trazem, e definir o que você precisa para mudar ou fazer para obter esses benefícios. Discutiremos também, os padrões e descreveremos como a Microsoft vem se permitindo promover cada vez mais a interoperabilidade nas documentações, protocolos que sem dúvida tornam o Windows Server 2012 o sistema operacional mais interoperável do planeta.

Os profissionais de TI terão uma visão de como o Windows Server 2012 simplifica as tarefas de arquitetura e execução de sistemas e como você pode ajudar os seus desenvolvedores e parceiros a conhecer as novas oportunidades e mecanismos para interoperar com o novo Windows Server 2012.

Palestrante também na palestra “Cenário do mundo real” da trilha “Interoperabilidade no Desenvolvimento e Infraestrutura“, juntamente com Rogério Cordeiro (Microsoft) e Rogério Moraes Carvalho (MVP), para apresentar um serviço Web desenvolvido em PHP sendo hospedado no Windows Azure e sendo consumido por uma aplicação Web HTML5, CSS3 e JavaScript no Windows Server 2012 a partir de múltiplos browsers, rodando em múltiplas plataformas e em múltiplos dispositivos.

Alguns números:

clip_image002

Armazenando máquinas virtuais do Hyper-V em SMB3

A Microsoft chamou o Windows Server 2012 um verdadeiro "Sistema Operacional para a nuvem", e as melhorias no Hyper-V foram realmente muito atraentes. Uma dessas novidades é a capacidade de executar o Hyper-V em cargas de trabalho de armazenamento baseado em arquivos SMB. Mais especificamente, usando o protocolo SMB 3 lançado com o Windows Server 2012. A capacidade de usar o armazenamento de arquivos fornece uma boa opção para administradores que buscam implantar a plataforma de virtualização sem a complexidade da gestão de uma matriz de armazenamento tradicional.

Para implantando Hyper-V ao armazenando em SMB é um processo muito simples.

1) Abra o Gerenciador do Servidor em um servidor de arquivos designado (ou PowerShell).

clip_image002

2) Vamos criar um novo compartilhamento SMB para aplicações, no caso nosso foco é armazenamento de máquinas virtuais.

clip_image004

3) Vamos agora conceder as permissões necessárias.

clip_image006

Agora quando você for criar uma nova máquina virtual no Hyper-V para apontar o armazenamento para esse compartilhamento SMB.

Para mais informações sobre o Windows Server 2012

http://clk.atdmt.com/MBL/go/425210955/direct/01/

clip_image008

quarta-feira, 24 de abril de 2013

Erro: O Windows não pode se conectar à impressora. A operação falhou com o erro 0x00000002

Hoje recebi um chamado de um cliente que relatva um erro no seu servidor de terminal, falo servidor de terminal pois possuia o Windows Server 2008, uma vez que a terminologia RDS - Remote Desktop Services foi introduzida no Windows Server 2008 R2.

Em um único servidor de terminal todas suas impressoras casualmente da HP pararam de funcionar. Aparentemente poderia ser problemas com o spool de impressão ou diretamente drivers.

É muito comum o pessoal colocar drivers errados, ou seja, de plataformas diferentes. Eu sempre fico realmente muito bravo com essa situação, pois vejamos, se você tem um automóvel Gol ano e modelo 2012 e precisa de uma peça específica para ele, você não vai aceitar colocar a tal peça que na verdade é para o Gol 2009 certo?

Na prática é algo muito parecido com o que acontece quando "alguém" instala um driver incorreto nesse servidor de depois disso ainda reclama que a impressora ou o sistema operacional é ruim.

O problema que ao tentar instalar um driver novo para impressora é:

Erro: O Windows não pode se conectar à impressora. A operação falhou com o erro 0x00000002

clip_image001

Várias etapas de resolução de problemas foram realizadas, como reiniciar o serviço de spooler, reiniciar o servidor e até mesmo remover todos os drivers de impressora, incluindo uma limpeza manual das configurações da impressora relacionadas registro.

Mas quando eu tentei instalar uma impressora usando o driver de impressora HP continuei cmo mesmo erro.

O que comecei a verificar é uma tentativa de criar vários diretórios em C: \ Windows \ System32 \ spool \ Prtprocs \
Ele tentou criar uma sub-pasta com o número 7, mas o diretório já existia e então ele tenta criar uma sub-pasta com o nome "8", mas que também já existe e assim ele vai indo até o número 499 que é o seu limite.

Para resolver, acessei o diretório C: \ Windows \ System32 \ spool \ Prtprocs \ x64 e deletei algumas pastas. Pronto, consegui adicionar novos drivers e colocar as impressoras para funcionar.

clip_image003

Sem dúvida, acredito se tratar de um problema apresentado em certas situações.

Instalando Hyper-V Server 2012

Desde a versão Windows Server 2008 R2 a Microsoft disponibilizou o Hyper-V Server , um produto gratuito que vem apenas com o hipersivor. Para muitas empresas que pretendem de alguma forma reduzir custos o Hyper-V Server pode ser uma boa alternativa.

Recentemente temos a nova versão, o Hyper-V Server 2012 que oferece uma gama enorme de recursos como: Suporte para máquinas virtuais em larga escala (CPUs virtuais, o Virtual Machine RAM, VHDX), Importação de máquinas virtuais, Live Migration, Fibre Channel Virtual, Hyper-V Réplica, Virtual NUMA, Virtual Switch e muitos outros que podem ser verificados aqui.

Muitas vezes somos questionados qual a diferença entre Windows Server 2012 e Hyper-V Server? Com o Windows Server 2012 você tem o recurso de Hyper-V, mas além dele você tem outras várias funções como Active Directory, DNS, DHCP, File Server e outros.

É importante lembrar que dependendo da versão do Windows Server 2012 que foi adquirido você tem direito de virtualizar outros Windows Server 2012 com a mesma licença.

Veja, se adquirir a versão Datacenter você pode virtualizar ilimitadas VMs com Windows Server 2012 e se for a versão Standard pode virtualizar duas VMs com o Windows Server 2012.

clip_image002

No caso do Hyper-V Server 2012 a tabela acima não se aplica, ou seja, se você for virtualizar uma VMs com Windows Server 2012 deverá adquirir a mesma.

Mas afinal, qual a vantagem do Hyper-V Server 2012? Imaginamos que você deseja virtualizar uma VM Linux, um firewall Linux, um central telefônica Open Source, é um exemplo legal.

Outro destaque importante é que o Hyper-V Server 2012 pode ser utilizado também como um cluster failover.

Onde eu consigo o Hyper-V Server 2012?

Acesse esse site.

Como instalar o Hyper-V Server 2012:

1) Após o download da imagem ISO, gere um DVD ou unidade USB

2) Dê o boot por esse dispositivo > selecione Avançar

clip_image002[4]

3) Clique em Instalar agora

clip_image004

4) Aceitar os termos > Avançar

clip_image006

5) Selecione Personalizado para uma instação limpa somente do Hyper-V Server

clip_image008

6) Crie uma partição para instalação do Hyper-V Server > Avançar

clip_image002[6]

7) Ao final da instalação crie uma senha para o usuário Administrador > OK

clip_image004[5]

8) Tela inicial do Hyper-V Server 2012. Não temos uma interface gráfica

É atravéns do sconfig que realizamos as configurações iniciais.

clip_image006[5]

9) Para instalar o driver de algum dispositivo > copie o arquivo para alguma unidade de disco local. Para instalar use o comando pnputil. Neste exemplo estamos instalando o driver de vídeo.

clip_image008[6]

10) Caso ocorra algum problema com o driver, basta desinstalar:

clip_image010

11) Para acessar o Power Shell > escolha a opção 14- Sair para Linha de comando > digite powershell.exe. Observe que digitando o comando Get-WindowsFeature temos a lista de funções e recursos que podemos instalar.

clip_image012

12) Através do comando Install-WindowsFeature FS-FileServer instalamos a função de servidor de arquivos.

clip_image014

13) Observe que o Hyper-V Server oferece uma gama de funções e recursos:

clip_image016

Para mais informações sobre o Windows Server 2012

http://clk.atdmt.com/MBL/go/425210955/direct/01/

clip_image018

sexta-feira, 19 de abril de 2013

Virtualizando pfSense no Hyper-V do Windows Server 2012

Existem inúmeros firewall no mercado, mas hoje vamos mostrar como colocar o pfSense (um firewall baseado em FreeBSD de uso como firewall e router) no Hyper-V do Windows Server 2012.

Importante ressaltar que este artigo não tem o objetivo de ensinar a configurar e gerenciar o pfSense e sim instalá-lo no Hyper-V. Possivelmente estaremos mostrando isso em outro artigo.

Faça o download do pfSense 2.1

Vamos lá...

1) Comece criando a VM > Avançar

clip_image002_thumb1

2) Determine a quantidade de memória > Avançar

clip_image004_thumb1

3) Na opção de rede > deixe como Não Conectado > Avançar

clip_image006_thumb2

4) Determine o tamanho do espaço > Avançar

clip_image008_thumb2

5) Selecione a mídia ou arquivo .ISO > Avançar

clip_image010_thumb2

6) Concluir

clip_image012_thumb1

7) Antes de iniciar a VM > acesse a console do Hyper-V > clique com o botão direito do mouse sobre a VM pfSense > selecione Configurações...

clip_image014_thumb1

8) Clique em Adicionar Hardware > selecione Adaptador de Rede Herdado > Adicionar

clip_image016_thumb1

9) Adaptador de rede herdado já adicionado

clip_image018_thumb1

10) Inicie a VM do pfSense > pressione I para iniciar a instalação

clip_image020_thumb1

11) Aceite as configurações > enter

clip_image022_thumb1

12) Selecione Instalar pfSense > enter

clip_image024_thumb1

13) Selecione o disco > enter

clip_image026_thumb1

14) Inicializando o disco > enter

clip_image028_thumb1

15) Disco reconhecido > selecione a opção Use this Geometry

clip_image030_thumb1

16) Formate o disco

clip_image032_thumb1

17) Particione o disco se achar necessário

clip_image034_thumb1

18) Aceite bootblocks

clip_image036_thumb1

19) Confirme > OK

clip_image038_thumb1

20) Selecione a partição

clip_image040_thumb1

21) Comandos em execução

clip_image042_thumb1

22) Reinicie a VM

clip_image044_thumb1

23) Após reiniciar faça a configuração da LAN e WAN e habilite o gerenciamento via web.

24) Abra seu navegador web e digite o endereço IP da VM do pfSense

clip_image046_thumb1

25) Agora basta iniciar as configurações do pfSense.

clip_image048_thumb2

Para mais informações sobre o Windows Server 2012

http://clk.atdmt.com/MBL/go/425210955/direct/01/

clip_image002

quinta-feira, 11 de abril de 2013

Interoperabilidade do Windows Server 2012

Nos últimos anos tenho focado e muito o tema Interoperabilidade, um assunto que me atrai muito e que ao mesmo tempo me preocupa, pois nem todos profissionais tem isso bem definido em seus projetos.

O Windows Server 2012 trouxe muitos novos recursos, dos quais muitos a Microsoft precisou participar e investir ativamente em vários comitês, institutos ou ainda grupos sempre com o objetivo de fazer recursos do seu sistema operacional "interoperar" com outros sistemas ou tecnologias.

Eis alguns:

image

Não existe área do Windows mais dependente de padrões de interoperabilidade do que Networking! Networking possui muitos fornecedores no mercado e são múltiplos padrões direcionados a networking.

Um exemplo onde temos alguns padrões é o novo recurso chamado de NIC Teaming

image

 

Outro recurso muito legal onde tem vários protocolos de interop é o SMB sobre Hyper-V

image

Para mais informações sobre o Windows Server 2012

http://clk.atdmt.com/MBL/go/425210955/direct/01/

clip_image006